terça-feira, 12 de julho de 2016

Orelha e petição para Padilla em Pamplona


Matador de toiros espanhol Juan Jose Padilla cortou uma orelha e teve petição de segunda depois de estoquear o primeiro toiro da corrida desta tarde, em Pamplona.

Padilla foi sinónimo de valor, tendo sofrido um “puntazo” no peito, ao entrar a matar o este toiro mas, já durante a faena, ficara com o “chaleco” destroçado.

No segundo, depois de um tércio de bandarilhas muito aplaudido e de uma faena de muleta de enorme valor, perdeu os troféus pelo mau uso da espada.

Juan José Padilla actuará depois de amanhã, dia 14 de Julho, no Campo Pequeno, alternando com o seu compatriota Juan del Álamo, que também registou uma presença muito digna em Pamplona, conde actuou no domingo.

O cartel de Lisboa é completado pelos cavaleiros Luís Rouxinol e Luís Rouxinol Junior e pelo Grupo de Forcados Amadores do Aposento do Barrete Verde de Alcochete, capitaneado por Marcelo Lóia. Lidam-se 7 toiros de Varela Crujo, sendo 3 para cavalo e 4 para pé).
 
Copyright © 2013 PORTA DOS SUSTOS