terça-feira, 6 de fevereiro de 2018

PROTOIRO LAMENTA A MORTE DE DUAS FIGURAS DA NOSSA TAUROMAQUIA






A Protoiro – Federação Portuguesa de Tauromaquia lamenta profundamente a morte de duas figuras emblemáticas da tauromaquia, João Patinhas e António Manuel Cardoso “Nené”, ocorridas no dia 1 de Fevereiro.

 

João Patinhas, um histórico da forcadagem, faleceu em Évora com 82 anos. Foi nesta cidade que em 1963 fundou o Grupo de Forcados de Évora, liderando-o até Maio de 1989. O seu percurso extraordinário incluiu passagens pelos forcados de Santarém e de Montemor e atuações no México. A sua passagem pelas arenas deixou um exemplo de galhardia e elevação que encarnam a figura do forcado amador.

 

De forma inesperada e vítima de um acidente de viação, António Manuel Cardoso “Nené” faleceu quando regressava a casa após ter assistido ao primeiro festival taurino da temporada, em Mourão.

 

António Cardoso, antigo cabo dos Forcados Amadores de Alcochete, era o mais antigo empresário taurino nacional em actividade e tinha a seu cargo as praças de touros de Alcochete (há mais de duas décadas) e de Évora. Era uma das maiores referências na tauromaquia portuguesa pelo seu empreendedorismo, aficion e dedicação ao mundo tauromáquico, deixando um lastro de prestígio exemplar para as novas gerações. Era pai do forcado António José Cardoso e apoderado dos cavaleiros João Ribeiro Telles Jr. e António Prates.

 

Às famílias e amigos destes dois vultos da tauromaquia nacional, a Protoiro apresenta as mais sentidas condolências.
 
Copyright © 2013 PORTA DOS SUSTOS