sábado, 18 de agosto de 2018

Recado a ANDRÉ PINTO TAVARES - POR JOSÉ LUIS FIGUEIREDO


Querido amigo, sei bem que a carreira de um forcado dentro da arena, sobretudo aqueles que dão sempre tudo, não é eterna, que tem principio, meio e fim, mas... porra André tu és o melhor é estás no auge.
Ao longo do meu percurso de aficionado, que assiste a muitas corridas, anualmente, conheci e mantenho com a 
maioria profundos laços de amizade,  enormes segundos ajudas, verdadeiros monstros na arte de bem ajudar, mas André tu és de "outro planeta".
A forma como te transformas mal pisas a arena, aquela posição de ataque, aquele, perdoa-me a expressão, ar animalesco que te invade, tal Lince, quiçá Leão mesmo, que prepara o ataque à presa, aquele *PORMAIOR*
de estares sempre no sitio certo é algo que não quero perder. 
Não posso, não tenho poder para tal, não sou o dono mundo ( sorte a tua ) para impedir a tua partida. 
Resta-me agradecer-te, querido amigo, teres HONRADO a jaqueta das ramagens
   
Um abraço 
José Luís Figueiredo                
 
Copyright © 2013 PORTA DOS SUSTOS