terça-feira, 7 de agosto de 2018

Rui Salvador no Campo Pequeno a 9 de Agosto



Toureiro de paixão e de espontaneidade, Rui Salvador apresenta-se no Campo Pequeno, na próxima quinta-feira, abrindo cartaz na tradicional “Corrida do Emigrante”. 

Rui Salvador apresentou-se em público no já longínquo 13 de Fevereiro do 1976, na Barquinha, como amador, categoria em que debutou no Campo Pequeno a 22 de Fevereiro de 1977.

A prova de praticante surgiu a 19 de Abril de 1981, em Tomar e a alternativa surgiu a 9 de Agosto de 1984, no Campo Pequeno. Padrinho: José Mestre Batista; Testemunha: João Moura. Completam-se esta quinta-feira 34 anos sobre essa feliz data.

Pela sua forma de tourear, pela sua entrega, sobretudo no momento de cravar, cedo Rui Salvador começou a ser conhecido pelo “cavaleiro dos ferros impossíveis”. Um misto de emoção verdade e sentimento é a forma como Rui diz sentir o toureio.

Fazendo um balanço de vida pessoal e artística, Rui Salvador considera-se “um cidadão comum, que tem a felicidade de ter uma família maravilhosa com que sempre sonhou, uma mulher que ama e dois filhos extraordinários que me apoiam em tudo na vida. Gosto de fazer sempre algo, de construir, ajudar, apoiar e incentivar tudo e todos em novos projectos… Tenho a sorte de fazer aquilo que gosto e que idealizei um dia fazer. Sou Arquitecto, cavaleiro tauromáquico, agricultor. Realizo eventos na Quinta do Falcão e adoro estar com os meus Amigos! Pode até parecer muita coisa, mas gosto de viver a vida intensamente, assim como o toureio deverá ser vivido…”

Na sua estreia na presente temporada no Campo Pequeno, Rui Salvador terá por companheiros de cartel os cavaleiros António Maria Brito Paes, Manuel Ribeiro Telles Bastos, Duarte Pinto, Andrés Romero (rejoneador espanhol que confirma a alternativa) e David Gomes (que confirma a alternativa), na lide de seis imponentes toiros de Vale Sorraia. As pegas estarão a cargo dos
grupos de Forcados Amadores Real de Moura, Montijo e Turlock.





 
Copyright © 2013 PORTA DOS SUSTOS