segunda-feira, 30 de setembro de 2019

A DESPEDIDA DE MÁRCIO CHAPA - MONTIJO POR - JOSÉ LUIS FIGUEIREDO


A monumental do Montijo, foi no passado sábado, o local escolhido por MÁRCIO CHAPA, forcado de elevado patamar para o seu adeus às arenas, fê-lo na "sua" já tradicional corrida das TERTULIAS MONTIJENSES, evento ao qual tem fortes ligações. Apesar da saudosa rivalidade, que no meu tempo existia entre o "meu" grupo e o do Márcio sempre pautamos, um respeito mutuo e profunda amizade, MÁRCIO CHAPA, foi sempre fiel ao seu grupo resistindo a diversos convites, como cabo fez verdadeiros milagres para manter o grupo com razoável actividade, o que num grupo sem apoios é obra de registo. Vai deixar saudades. Foram lidados toiros de Prudêncio, Vinhas, Fernandes Castro, José Palha, Santos Silva e Alves Inácio. de elogiável apresentação em matéria de bravura o destaque vai para o de Fernandes de Castro. Os cavaleiros Rui Salvador, Luís Rouxinol e Gilberto Filipe tiveram prestações positivas. As pegas estiveram a cargo dos grupos da Tertúlia T. do Montijo, Amadores do Montijo e uma selecção de amigos do Márcio capitaneados pelo seu antigo cabo Luís Branquinho.

Um abraço
José Luís Figueiredo  
 
Copyright © 2013 PORTA DOS SUSTOS