quarta-feira, 11 de setembro de 2019

MOITA DO RIBATEJO NOSSA SENHORA DA BOA VIAGEM - CRÓNICA POR JOSÉ LUIS FIGUEIREDO


A primeira corrida da feira da Moita, foi certamente abençoada pela sua santa padroeira. 
Foram lidados, seis toiros de DAVID R. TELLES que à excepção do primeiro de escassa apresentação e o segundo com manifesta falta de poder nos dianteiros, foram excelentes, alguns mesmo dignos de indulto. 
TELLES E FERRERA, foram os grandes triunfadores da noite, o ginete português, em grande forma teve uma boa prestação no primeiro, mas foi no seu segundo que nos ofertou  uma verdadeira obra de arte de bem tourear a cavalo, sobretudo nos curtos o último dos quais, foi de catedra. Fortemente aplaudido de pé por todos os presentes, resistiu e bem ao eterno mais um. 
O mais "português" matador de toiros espanhol ANTÓNIO FERRERA após uma primeira excelente prestação, abriu o livro no segundo e ... oh meu Deus, que classe, mando, temple e pura magia duendista numa faena que ficará registada na mente dos aficionados, como uma das melhores de sempre na Daniel do Nascimento. 
Completaram o cartel GINES MARIN que só no ultimo deu um ar de sua graça  e os forcados AMADORES DA MOITA que através de David Solo e Fábio Silva resolveram a papeleta sem dificuldades de maior. 
JANICA e CAFÉ, a classe, o saber e a eficácia destes campinos faz a diferença. RICARDO LEVESINHO, é preciso, todos sabemos enorme coragem e um pouco de masoquismo para assumir a Daniel Nascimento é necessário e ele merece que os ditos aficionados moitenses, deixem de criticar por tudo e por nada e vão aos toiros que isso sim é o caminho certo.

 Um abraço
José Luís Figueiredo
 
Copyright © 2013 PORTA DOS SUSTOS