quarta-feira, 29 de abril de 2020

Associação Nacional de Grupos de Forcados oferece máscaras de proteção

"Associação Nacional de Grupos de Forcados oferece máscaras de proteção ao covid 19 à Associação de Beneficência "Amigos de Terrugem" (ABAT) 
Os Amadores de Arronches, grupo associado à "ANGF"  deslocou-se hoje à aldeia da Terrugem(Elvas) em representação de todos os grupos associados  nesta oferta.
De realçar que a "ABAT" para além de uma associação Aficionada é também a  proprietária da praça de touros dessa aldeia Alentejana."
Fonte: https://m.facebook.com/story.php?story_fbid=3211432858932429&id=100001972403056

terça-feira, 28 de abril de 2020

COMUNICADO

"COMUNICADO

Como a globalidade das empresas promotoras de actividades culturais e artisticas deste país, estamos a acompanhar a evolução da situação em torno do novo coronavírus COVID-19, a seguir as indicações das autoridades de Saúde e a implementar medidas que promovam a segurança dos espectadores, artistas e demais intervenientes. 

Tudo faremos, contando com a colaboração dos nossos parceiros, para manter a actividade agendada, dentro das restrições actuais causadas pela pandemia.

Temos observado, de acordo com o evoluir da situação, o impacto social e económico que esta pandemia está a causar, não deixando de demonstrar a nossa preocupação com todos os agentes envolvidos.
A situação tem obrigado ao cancelamento de numerosos eventos sociais e económicos de relevância por todo o país e, no caso de Coruche, à anulação da XII edição da FICOR, onde estava enquadrada uma Corrida de Toiros organizada por esta associação.

Faremos um acompanhamento permanente da situação, esperando que a normalização da situação nos permita manter os restantes espectáculos agendados para 2020.

Obrigado
"A Nossa Praça""

domingo, 26 de abril de 2020

Grupo Forcados Amadores da Moita doa máscaras e bens alimentares aos Bombeiros Voluntários da Moita

"O Grupo Forcados Amadores da Moita doa máscaras e bens alimentares aos Bombeiros Voluntários da Moita 

Numa ação conjunta entre o Grupo Forcados Amadores da Moita e a Associação Nacional de Grupos de Forcados, foram doadas 250 máscaras ffp2 mais bens alimentares aos Bombeiros Voluntários da Moita.

Esta ação solidária visa ajudar os soldados da paz numa altura em que todos nos deparamos com a pandemia do covid 19 e para que não  esteja em risco o normal auxílio à população.

Um agradecimento especial à direção da ANGF, que nos ajudou nesta causa com a oferta das máscaras."

quinta-feira, 23 de abril de 2020

Joaquim Grave nas BullTalks



Joaquim Grave nas BullTalks

Joaquim Grave*, ganadero e antigo forcado dos Amadores de Santarém, será o próximo convidado das BullTalks da marca Touradas, que vai decorrer esta quarta-feira, dia 22, às 19h no Facebook da marca Touradas (www.facebook.com/TouradasPT/). A conversa será conduzida por Helder Milheiro da Protoiro e terá como tema a *Ética e História dos Forcados,sendo também abordada a carreira de forcado de Joaquim Grave.

Organizações Taurinas lançam campanha a favor das Misericórdias Portuguesas




Tauromaquia liga-se sempre a grandes causas sociais e lançou uma campanha de donativos num momento difícil para os mais idosos. 

O país está unido da melhor maneira possível e a fazer força para combater a pandemia do Coronavírus que está a afetar o mundo inteiro. As organizações tauromáquicas não esquecem quem mais precisa: Os mais idosos.
São eles que estão a ser mais afetados com o Covid-19. Não só porque têm menos defesas e são um grupo de maior risco, como também, muitos deles, precisam de uma ajuda redobrada numa altura em que existe falta de material para se protegerem contra o vírus.

Marca Touradas lança BullTalks no Facebook e Instagram



Aproveitando os tempos de quarentena, a marca Touradas, da ProToiro, vai iniciar um conjunto de *BullTalks*, conversas em directo nas redes sociais Facebook e Instagram, onde vai abordar diversos temas tauromáquicos numa perspectiva pedagógica e descontraída. Estas conversas serão conduzidas por Helder Milheiro da ProToiro e terão a participação de convidados e seguidores da marca, que poderão fazer perguntas e interagir com os convidados.

A primeira BullTalk vai decorrer já esta sexta-feira (19h) no Instagram da marca Touradas (@touradas) e vai responder a uma pergunta difícil: "Sabes qual a origem dos Forcados?"

O convidado da primeira BullTalk vai ser o forcado do grupo de Montemor, Francisco Borges, um dos mais destacados forcados da sua geração, que nos vai falar da sua experiência como forcado e vamos ainda perceber o que mudou nos forcados ao longo dos séculos.

Na próxima semana as BullTalks vão ser dedicadas à "Origem das Touradas", à nova geração de Fotógrafos Taurinos e aos Recortadores. Esta sexta-feira serão conhecidos os convidados no final da BullTalk.

Todas as semanas vão decorrer três BullTalks, por norma à segunda, quarta e sexta, às 19h, com uma duração de cerca de meia hora.

Santarém - Temporada adiada para 2021




Caríssimos Aficionados,

O rigor no cumprimento e o respeito pelos seus valores, são dois factores decisivos para o sucesso de qualquer Missão.

A Honestidade, a Responsabilidade, a Amizade e a Paixão são alguns dos valores que nos movem, que nos ajudam a crescer e dos quais nunca abdicaremos!  São estes os valores que traduzem a Cultura da Associação Praça Maior, são estes os valores que tão bem têm sido assimilados e transmitidos por todos aqueles que connosco decidiram abraçar esta Missão.

Foi com este espírito e compromisso que desenhámos a temporada 2020 e que levamos a gestão da Monumental Celestino Graça, com o desejo de a tornar, cada vez mais, uma Praça Maior e que, a partir dela, se defenda e promova a Tauromaquia.

Infelizmente o país e o Mundo pararam, o inimaginável está a acontecer e agora somos obrigados a olhar uns pelos os outros.

Cabe-nos hoje respeitar, de forma rigorosa, todas as recomendações oficiais, sejam dos organismos de saúde pública sejam do Governo, contribuindo assim para a nossa protecção e da comunidade em que nos inserimos. O nosso sentido de responsabilidade e solidariedade comunitária deve estar presente em cada um dos nossos gestos e comportamentos.

Tendo ainda em consideração as medidas decorrentes da aplicação da Resolução do Conselho de Ministros, com vista a minimizar os eventuais impactos resultantes da situação epidemiológica do novo Coronavírus - COVID-19, é do nosso entendimento, que constitui um imperativo nacional contribuir para mitigar quaisquer riscos de propagação desta pandemia.

Neste contexto e face às rigorosas restrições em vigor, que se prevêem duradouras, a nossa temporada ficou comprometida. Pensando na melhor solução possível para todos, tomámos a decisão de adiar para 2021 as 3 corridas de Abono previstas, mantendo e respeitando a constituição de todos os cartéis já anunciados (cavaleiros, matador, forcados e ganadarias).

Apesar de se anteverem tempos muito difíceis e de estarmos já a viver num contexto económico muito fragilizado que, provavelmente, se vai agravar nos próximos meses, continuamos confiantes e com esperança!

Neste sentido e tendo consciência da responsabilidade e importância da “nossa” praça no panorama taurino português e na dinamização económica, cultural e popular da cidade de Santarém e do nosso País, fica aqui a nossa promessa de que tudo faremos para, ainda este ano e se as directrizes governamentais assim o permitirem, promover um espectáculo tauromáquico na Monumental Celestino Graça.

Sairemos desta situação mais solidários, mais generosos e mais responsáveis!
Queremos também dizer-vos que prosseguiremos com mais força, mais unidos e com mais determinação na defesa dos interesses da Monumental Celestino Graça e de todos os aficionados, abonados, empresas e entidades parceiras que connosco caminham nesta Missão.

Os dias difíceis irão passar e nessa altura voltaremos, em Festa, às bancadas da Monumental Celestino Graça, para celebrar um Futuro Maior.

Continuamos juntos. Até breve,


Associação Praça Maior

PS – Mais informações relativamente a devolução de bilhetes em www.pracamaior.pt

RUI BENTO -*Campo Pequeno – Fim de Ciclo*



*Campo Pequeno – Fim de Ciclo*

Há projectos que, pelo desafio que constituem ou pela intensidade da paixão que em nós despertam, nos marcam para sempre. Desafio e paixão. Foi esta a mistura de sensações que experimentei quando, em Fevereiro de 2006, a convite dos Drs. Henrique Gonçalves  Borges e Goes Ferreira, tomei posse do cargo que me conferia a gestão dos destinos da tauromaquia no Campo Pequeno. As obras de restauro e requalificação estavam quase concluídas e a reinauguração marcada para 16 de Maio. 
Volvidos 14 anos, encerrou-se, recentemente, o ciclo das minhas funções como Director de Actividades Tauromáquicas da primeira praça do país, a "Catedral Mundial do Toureio a Cavalo".
O Campo Pequeno está ligado às duas mais importantes fases da minha vida profissional. Ali, como toureiro, iniciei em 1982, a carreira que me levou à Alternativa de Matador de Toiros (Badajoz, 1988); ali desenvolvi a actividade de Gestor Taurino, em cujos resultados tenho o maior orgulho.
Durante estas 14 temporadas vivemos apaixonadamente um projecto que recuperou a grandeza do Campo Pequeno em termos nacionais e o reposicionou, em termos internacionais, dando-lhe uma visibilidade jamais alcançada.
As maiores figuras mundiais do toureio voltaram a incluir Lisboa na rota das suas temporadas. Voltaram os consagrados, lançaram-se novos valores e sempre se repetiram os triunfadores. Nem sempre as coisas correram dentro daquilo que idealizámos, é certo, mas também é verdade que só não erra quem não arrisca. Nós, no Campo Pequeno assumimos a vitória com a mesma humildade, a mesma grandeza com que demos a cara nos momentos difíceis. E foi nesses momentos difíceis que veio ao de cima a nossa capacidade de superação individual e colectiva demonstrada por todos os que vivemos este projecto ímpar. Envolvo na minha gratidão todos os que, no escritório e no campo, integraram e colaboraram com a Direcção de Tauromaquia, as sucessivas administrações com quem trabalhámos e, em especial, dois dos nossos colegas que partiram para sempre e que sempre recordaremos pelo seu exemplo de camaradagem e profissionalismo.
Num balanço curto deste ciclo há pouco encerrado, cabe uma palavra de agradecimento a todos os que, de uma forma directa ou indirecta, tornaram possível todo este percurso, ao longo do qual tanto nos estimularam.
Refiro-me aos aficionados, aos artistas tauromáquicos, aos ganaderos, ao pessoal de apoio, à imprensa, rádio e TV generalistas, aos meios de informação taurina e ao público em geral.

Vai por todos vós!

Sem o vosso apoio não teríamos conseguido levar a nau a bom porto.

Ciclo encerrado! Os homens passam e as instituições continuam. Desejo ao Campo Pequeno as maiores felicidades nesta nova fase da sua mais que centenária existência.

*Rui Bento*

FESTIVAL DE VILA FRANCA ADIADO PARA O FINAL DA TEMPORADA

FESTIVAL DE VILA FRANCA ADIADO PARA O FINAL DA TEMPORADA
 

Em consequência da propagação do COVID-19 que assola o nosso país informa-se que o Festival Taurino que teria lugar a 29 de Março na Praça de Toiros Palha Blanco será adiado para o mês de Outubro da presente temporada.


terça-feira, 14 de abril de 2020

CANCELADA FESTA DA AMIZADE (BENAVENTE)


"Portugal e o mundo inteiro vivem hoje momentos difíceis e extraordinários devido à pandemia Covid 19,uma situação à qual a Festa Da Amizade não é alheia.           
Atendendo às atuais condições que impõem o cancelamento de atividades que envolvam grupos de pessoas, vemo nos forçados a tomar uma decisão difícil e inédita em mais de 50 anos de Festa da Amizade, que é o cancelamento da mesma.
Estamos convictos que juntos iremos ultrapassar esta contrariedade e que iremos dedicar toda a nossa energia para que em 2021 possamos surpreender todos os habitantes da nossa vila e os que nos visitarem.

"Benavente Capital da Amizade, de hoje e de sempre, porque a Festa  é irreversível"

A Comissão 2020/21"

sábado, 11 de abril de 2020

RODRIGO CAFÉ E ORLANDO VICENTE GUARDIÕES DO TOIRO DE LIDE.



Esta semana fomos confrontados com a partida de dois homens do campo. Dois homens que dedicaram a sua vida ao campo bravo de Portugal; Orlando Vicente e Rodrigo Café dois dos guardiões do toiro de lide; elemento ancestral e fundamental, a todas as modalidades da festa. Em jeito de singela homenagem a campinos e maiorais, ficam algumas imagens desses homens que nos bastidores da tauromaquia, possibilitam a continuidade de uma cultura e tradição centenárias. 










                                                                                                Fotos DR Porta dos Sustos

terça-feira, 7 de abril de 2020

FUI MEXER NO BAÚ - VILA FRANCA, 8 DE JULHO 2012














































































































 
Copyright © 2013 PORTA DOS SUSTOS